inova logo branca
igor pinheiro ceo

Igor Pinheiro

C.E.O da Inova Civil
Ativo 17

Os 6 Principais Tipos de Paredes na Construção

As paredes são componentes muito importantes para as construções. Existem diversos tipos de paredes e para escolher a mais adequada é necessário entender quais são as características da sua obra, e analisar a forma mais eficiente, segura e econômica de executar as paredes da sua obra. vamos falar sobre os principais tipos de paredes dentro da construção civil, quais as vantagens, desvantagens, para que tipo de necessidades cada uma é indicada.

CONTEÚDO EM VÍDEO NO FINAL DA PÁGINA!!!

As paredes possuem três principais funções que são: de dividir e organizar os ambientes, proteger a parte interna das edificações contra variações temporais ou outros agentes agressivos e ajudar no isolamento térmico e acústico. Além disso, ela precisam ser funcionais e duráveis.

  1. Alvenaria de vedação

Esse tipo de parede é composto por tijolos cerâmicos ou blocos de concreto comum. Essas paredes não possuem funções estruturais, sendo usadas principalmente para fazer a separação dos ambientes porque suportam apenas o seu peso próprio.

Alvenaria de vedação com blocos cerâmicos
Figura 1 – Alvenaria de vedação.

Como normalmente as construções que usam esse tipo de alvenaria são sustentadas por pilares e vigas, é possível diversas variações no projeto arquitetônico, obter grandes vãos, ou mesmo remover uma parede para ampliar um ambiente, já que elas não têm função estrutural é muito mais simples fazer essas mudanças.

Além disso, a execução é bem simples, o que gera economia, a espessura e o peso próprio são razoáveis, ou seja, não toma muito espaço dos ambientes e não gera uma carga muito grande na estrutura. O material é incombustível, atendendo a necessidade de proteção contra fogo, e possui um isolamento térmico e acústico condizente com os requisitos mínimos exigidos.

Aqui no brasil, esse tipo de parede, geralmente é revestido com o reboco, que é composto por chapisco, emboço e reboco.

Chapisco, emboço, reboco
Figura 2 – Chapisco, emboço e reboco.

O chapisco é a primeira camada, ele fica em contato direto com a alvenaria e o seu objetivo é criar uma camada mais áspera que ajuda a dar mais aderência as camadas seguintes.

O emboço vem logo depois e é uma camada de regularização, ele prepara a superfície para receber o reboco, ou no caso de aplicação de revestimento cerâmico, ele é aplicado sobre a camada de emboço.

Por fim temos o reboco, que é uma camada de acabamento desse revestimento, ele deixa a superfície bem plana e lisa para a aplicação da pintura.

As paredes de alvenaria estrutural têm função muito além de separar os ambientes, ao contrário da alvenaria de vedação, esse tipo de parede tem a função de sustentar a edificação, como o próprio nome segure, ela possui uma função estrutural.

A sua composição pode ser feita com tijolos cerâmicos ou blocos concreto estruturais, nunca se pode utilizar tijolos ou blocos comuns para executar uma alvenaria estrutural.

Alvenaria estrutural
Figura 3 – Alvenaria Estrutural.

A principal vantagem desse tipo de alvenaria é que a sua execução é mais rápida, existe uma economia de custos que está relacionada a diminuição de formas de madeira, aço e concreto. Como são as paredes que sustentam o edifício, não existe necessidade de pilares e vigas diminuindo o consumo dos materiais citados.

A principal desvantagem é que é muito mais difícil fazer mudanças na arquitetura, não da para remover uma parede que tem função estrutural sem consultar um especialista no assunto. Como os projetos aqui no Brasil costumam ter muitos problemas com incompatibilidades, isso é uma dificuldade, porque qualquer mudança no projeto precisa ser bem analisada.

  • Drywall

O drywall e um sistema de vedação muito comum, ele é utilizado tanto em ambientes residências como como comerciais. O mais importante desse tipo de parede é que ela precisa ser usada somente para paredes internas e sem muito contato com umidade.

Parede drywall

Figura 4 – Parede Drywall.

O drywall é composto por placas de gesso revestido com duas lâminas de cartão duplex para dar mais resistência mecânica. Como o gesso é um material sensível a umidade, o seu uso é limitado aos ambientes internos e com baixa umidade.

Esse método é considerado um método de construção seca, já que não utiliza água e nem argamassas, cimento ou concreto. As principais vantagens disso é que a instalação é rápida, é mais sustentável, gerando muito menos resíduos.

  • Paredes de placas cimentícias.

Esse sistema é bastante parecido com o drywall, a maior diferença é que ao invés das placas serem de gesso, a placa é feita com cimento. A sua instalação é rápida, permite um canteiro de obras mais limpo, com menos desperdícios e possui uma resistência melhor a umidade quando comparado ao drywall.

parede de placa cimentícia
Figura 5 – Parede de placa cimentícia.

Normalmente, eles são muito usados em construções com steel Frame ou Wood frame (que é muito parecido com o steel frame, mas usa madeira ao invés do aço).

Se você ainda não sabe como funciona o steel frame, temos um artigo aqui no site somente sobre o steel frame: clique aqui!

  • Divisórias de vidro

As divisórias de vidro dão um visual bem elegante para o ambiente, elas costumam ser compostas por um vidro duplo com uma estrutura mista em aço e alumínio que seguram o vidro.

divisória de vidro
Figura 6 – Divisória de vidro.

  • Divisória naval

As divisórias navais também são muito comuns em escritórios, empresas, ambientes corporativos de modo geral. O diferencial dessas divisórias é que elas são bastante flexíveis para adaptar o layout do ambiente da melhor maneira possível, além disso, elas têm uma espessura bem fina, permitindo uma maior área para os ambientes em que são usadas, sua instalação é bem rápida.


divisória naval
Figura 7 – Divisória naval.

Conteúdo em vídeo:

Referências

Figura 1 – Disponível em: < https://www.aecweb.com.br/revista/materias/projeto-de-alvenaria-racionalizada-e-solucao-para-evitar-perdas/19684 > ;

Figura 2 – Disponível em: <  http://blogpraconstruir.com.br/etapas-da-construcao/chapisco-emboco-reboco/ > ;

Figura 3 – Disponível em: < https://www.cimentoitambe.com.br/alvenaria-estrutural-saiba-como-evitar-patologias/ > ;

Figura 4 – Disponível em: < https://www.placo.com.br/blog/o-que-e-drywall-caracteristicas-vantagens-e-como-usar > ;

Figura 5 – Disponível em: < https://www.vivadecora.com.br/pro/curiosidades/placas-cimenticias/ > ;

Figura 6 – Disponível em: < https://www.cec.com.br/blog/conheca-os-principais-tipos-de-paredes-e-que-tinta-aplicar-em-cada-uma?postId=213 > ;

Figura 7 – Disponível em: < https://br.pinterest.com/pin/310537336787421090/?autologin=true >.

Siga nossas redes sociais:
logo cinza inova
Todos os direitos reservados® – Inova Civil Plataforma Educacional | CNPJ 22.371.237/0001-11
Políticas de Privacidade & Termos de Uso