inova logo branca
igor pinheiro ceo

Igor Pinheiro

C.E.O da Inova Civil
Ativo 17

Isolamento Térmico: Como Melhorar o Isolamento da Minha Obra

O Brasil é um país de dimensões continentais e conta com diversos climas, algumas regiões são quentes, outras mais frias, e o que elas têm em comum é que as duas precisam de um bom isolamento térmico e os profissionais de engenharia precisam entender como o isolamento térmico funciona, pois não ter um bom isolamento pode causar um grande desconforto nos ambientes, fazendo com que seja necessário um sistema de resfriamento ou resfriamento mais robusto, consequentemente aumentando consideravelmente o consumo de energia.

FIGURA 1

O que é isolamento térmico?

A tendência natural é que as temperaturas internas e externas fiquem em equilíbrio e se igualem. O objetivo do isolamento térmico é evitar a troca de calor entre os ambientes interno e externo.

O isolamento térmico é feito a partir do uso de alguns materiais que têm uma boa capacidade isolante, ou seja, materiais que têm baixo coeficiente de condutibilidade calor. Outra característica importante é que o material tenha uma boa conservação das propriedades ao longo do tempo, afinal, seria inviável ficar fazendo manutenção do sistema de isolamento com frequência. 

A situação ideal para isolamento é o vácuo, mas isso não é usual devido a dificuldade para viabilizar um sistema assim, o ar também é um bom isolante pois tem baixo coeficiente de absorção de radiação e de condutividade térmica, mas devido a sofrer efeitos de convecção e necessidade de manter o ar seco, é difícil manter a boa capacidade isolante do ar, então nós tendemos a usar materiais porosos ou fibrosos que têm capacidade imobilizar o ar mantendo sua capacidade isolante. 

As soluções mais comuns dentre os materiais sólidos usados para esses casos são as lãs de rocha e de poliéster, fibra de vidro e o poliestireno expandido (EPS), o popular isopor.

O que é convecção? 

Convecção é um processo de transmissão de calor que ocorre pela movimentação interna de um fluido, como o ar ou água. A convecção surge quando há um gradiente de temperatura em um fluido. Desse modo, as regiões mais quentes desse, que são menos densas que as restantes, movem-se, dando origem a correntes de convecção ascendentes. O restante do fluido que se encontra em menor temperatura tende a “descer”, já que sua densidade é um pouco maior.

Brasil Escola. O que é convecção. Acessado em:  12/01/2021
  • Quais são as principais vantagens do isolamento térmico em uma edificação?

Ter um bom isolamento térmico traz vantagens para os mais diversos tipos de construção, seja residencial, comercial ou industrial. Retardando a troca de calor entre o ambiente interno e externo é possível trazer mais conforto e eficiência para os ambientes. 

Principais vantagens: 

  • Mais conforto e qualidade no uso da construção;
  • Mais economia com energia elétrica, pois o investimento em sistemas de climatização  passa a ser menor;
  • Tudo se torna mais ecológico e eficiente com a economia de energia:
  • Agrega valor à construção. 

MATERIAIS ISOLANTES TÉRMICOS 

  • LÃS MINERAIS 

Os tipos mais usados são as lãs de rocha, de vidro e de PET. Esses materiais são sempre incombustíveis e alguns até mesmo anti alergênicos, além disso, eles precisam de mão de obra devidamente preparada para realizar sua execução. 

Esses materiais também podem ser encontrados em forma de placas, sendo as placas mais usadas em paredes e as lãs mais usadas em instalações horizontais como no forro do teto por exemplo. 

Agora vamos conhecer algumas particularidades dos principais tipo citados aqui

  • LÃ DE VIDRO

As lãs de vidro são compostas essencialmente por areia e cacos de vidro reciclado. Elas apresentam reação passiva ao fogo, pois são incombustíveis e impedem a propagação das chamas. No quesito resistência à água, as lãs de vidro têm um desempenho razoável no curto prazo, mas quando submetidas à umidade forte e mais prolongada o seu desempenho térmico é bastante prejudicado. 

FIGURA 2 
FIGURA 3
  • LÃ DE ROCHA

As lãs e rochas são produzidas a partir de uma rocha vulcânica chamada diábase, elas são incombustíveis e muito permeáveis à água e ao vapor de água, mas não absorvem água, além disso, apresentam elevada compressibilidade, mas uma fraca resistência ao corte.

Segundo a Agência Internacional para a Pesquisa contra o Cancro, as lãs de rochas estão classificadas no grupo 2B ou seja, “pode ser um carcinógeno humano”. Por isso, é recomendado evitar o contacto com este material e procurar impedir o contacto com o ar interior da habitação.

Um carcinógeno é uma substância capaz de causar câncer em mamíferos. Substâncias químicas, irradiação e certos vírus são agentes causadores do câncer

AVATEC. CONCEITO DE CARCINOGÊNESE.Acessado em:  12/01/2021
FIGURA 4
FIGURA 5
  • VIDRO CELULAR

Feito a partir de vidro e carbono, o vidro celular possui um gás inerte nas suas micro células, isso faz com que o material tenha propriedades isolantes muito boas. Ele também possui uma ótima durabilidade, é impermeável à água e apresenta uma boa resistência mecânica. 

Esse material é indicado para superfícies planas(não recomendado para locais irregulares), pode ser encontrado na forma de blocos ou painéis e é muito usado em telhados, pisos e paredes. 

FIGURA 6
FIGURA 7
  • POLIURETANO 

É um material obtido através da mistura do poliol de isocianato e um agente de expansão que pode ser hidrofluorcarbonetos(HFC) ou CO2(Um agente de expansão é uma substância que produz a estrutura celular que dá origem a uma espuma, através da liberação de bolhas de gás). 

O poliuretano pode ser encontrado no mercado em forma de espuma entre duas folhas de variados materiais, como papel kraft ou alumínio, ou em forma de spray(espuma expansível). O seu uso não é aconselhado para construções ecológicas pois não é reciclável e nem feito a partir de material reciclado. As desvantagens são que é inflamável, então precisa ser associado a um revestimento não inflamável, e possui um custo bem elevado. 

FIGURA 8
FIGURA 9

Além do uso desses materiais, existem algumas características de projeto que já podem ajudar a manter a temperatura mais agradável no interior do ambiente, então agora vamos falar um pouco sobre as medidas que podem ser tomadas nesse sentido. 

  • Telhas

As telhas ficam localizadas nos topos da edificações e recebem incidência solar o dia inteiro, por isso, pensar nas em como melhorar o desempenho isolante delas pode melhorar bastante o isolamento térmico do ambiente interno. 

As telhas já possuem um bom desempenho no quesito isolamento térmico, pois sua condutividade é térmica é baixa, mas para melhorar ainda mais o isolamento usar telhas brancas ou cores mais claras pode ter um bom efeito já que elas irão receber bem menos calor que telhas de cor mais escuras. Além disso, também existem telhas térmicas no mercado, chamadas de telha sanduiche, nelas a telha vem com um material isolante entre duas placas.

FIGURA 10

OBS: quando falamos de isolamento térmico, deve-se evitar telhas de aço porque a condutividade térmica desse tipo de telha é muito alta, o que pode dificultar o objetivo de manter a temperatura interna agradável e constante. 

  • Lajes e Pisos

As lajes e pisos desempenham um papel essencial atuando como barreira térmica na construção. As estruturas que geralmente são feitas de concreto apresentam uma série de camadas de materiais isolantes térmicos como mantas e revestimentos. 

O uso de alguns materiais na construção já pode ajudar a melhorar o isolamento térmico, as lajes pré-fabricadas com lajotas EPS por exemplo, apresentam um bom desempenho nesse quesito pois o EPS é um ótimo isolante e dissipa o calor.

Outra forma de usar as lajes para otimizar o isolamento térmico e o uso do espaço ao mesmo tempo é aproveitar a laje superior e fazer a instalação de jardins e gramados, apesar de ter um custo elevado é uma forma sustentável e muito eficiente de melhorar o conforto térmico no interior da edificação. 

  • Paredes

As paredes são parte importante de qualquer projeto de isolamento térmico, principalmente as paredes externas da construção. Paredes finas e sem revestimento adequado podem comprometer bastante o conforto térmico dos ambientes. 

Algumas medidas que podem ser tomadas para melhorar o desempenho das paredes é usar materiais mais grossos no exterior, fazer a alvenaria de tijolos de barro, usar papéis de paredes mais grossos, dentre outros cuidados. 

Além disso, a escolha das cores também pode ajudar, afinal cores mais escuras, como marrons e vermelhos, retêm mais calor que cores claras, logo se o local da construção é uma região fria, paletas de cores escuras podem ajudar, já nas regiões mais quentes é melhor adotar cores mais claras que retêm menor quantidade de calor. 

  • Jardins verticais ou horizontais

Outro fator que pode ajudar a manter a temperatura agradável é a instalação de jardins, sejam eles verticais ou horizontais. A presença da vegetação ajuda a umidificar o ar e água é um bom controlador térmico, isso ajuda a evitar a troca de calor entre os ambientes. Além disso, esse tipo de solução também pode trazer melhor para o isolamento acústico e trazer uma estética bem legal para o ambiente com paredes e tetos verdes.

FIGURA 11

COMO ESCOLHER O MELHOR ISOLAMENTO TÉRMICO PARA O SEU PROJETO

  • Avaliação de outros projetos em locais próximos 

Analisar o que foi feito nas construções próximas pode te ajudar a prever possíveis problemas no longo prazo que são muito difíceis de identificar no momento do projeto. Analisar o que funcionou ou não na vizinhança pode te dar uma boa noção de possíveis problemas ou benefícios e a partir disso adaptar seu projeto com mais segurança. 

  • Identificar qual opção se encaixa melhor no seu projeto

Dentre os diversos possíveis materiais mais viáveis para o local você precisará filtrar os possíveis para o seu projeto considerando suas prioridades e limitações, afinal cada projeto tem suas particularidades. A parte financeira, por exemplo, pode ser um fator que limita suas opções no momento da escolha. 

A partir de um filtro das opções viáveis você vai buscar definir aquela que apresenta o melhor custo-benefício.

  • Considere combinar materiais para uma performance melhor

Tenha em mente que dentro de um mesmo projeto de isolamento térmico podem ser usados mais de um tipo de material. Desde que todos os materiais escolhidos atendam as necessidades de desempenho e estejam dentro das limitações financeiras e estruturais, ter uma combinação pode gerar um resultado custo-benefício melhor do que o esperado. 

Tudo é uma questão de alcançar o resultado desejado da melhor maneira. 

  • Procure fornecedores de melhor qualidade

O mesmo material pode ter um nível de qualidade diferente quando são entregues por fornecedores diferentes, então um material pode ser mais caro e apresentar um bom desempenho e ser mais durável em detrimento de um mais barato pode não atender suas expectativas. Então faça uma boa pesquisa antes de fechar com o fornecedor para não gastar demais sem necessidade ou gastar de menos e não ter suas necessidades atendidas. 

Nós engenheiros estamos sempre buscando qualidade com o menor custo. 

Tenha acesso a esse conteúdo em vídeo:

REFERÊNCIAS: 

Figura 1 – Disponível em: < https://www.blog.lareiras.com.br/afinal-como-fazer-um-bom-isolamento-termico/ >;

Figura 2, 4, 6, 8  – SILVA, FILIPE MANUEL FERNANDES. ESTUDO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO TÉRMICO INOVADORES;

Figura 3 – Disponível em: <https://www.acusterm.com.br/produto/la-de-vidro>;

Figura 5 – Disponível em: <https://amplitudeacustica.com.br/la-de-rocha-proporciona-isolamento-acustico-e-termico-nos-mais-diversos-ambientes/>;

Figura 7 – Disponível em: <https://www.archiexpo.com/pt/prod/foamglas/product-71744-1012183.html>;

Figura 9 – Disponível em: <http://www.polideck.com.br/isolamento_termico_com_poliuretano_polideck_impermeabilizacao.html>;

Figura 10 – Disponível em: <https://br.pinterest.com/pin/81979655702492906/>;

Figura 11 – Disponível em: <https://francoincorporacoes.com.br/jardim-vertical-dicas-para-aderir-essa-tendencia/>.


Siga nossas redes sociais:
logo cinza inova
Todos os direitos reservados® – Inova Civil Plataforma Educacional | CNPJ 22.371.237/0001-11
Políticas de Privacidade & Termos de Uso